Polícia investiga crime de estupro coletivo contra estudante em Porto Alegre do Norte

A Polícia Militar foi acionada pelo Hospital Municipal, pois a vítima de abuso sexual havia dado entrada e era atendida pelos médicos.

Por Olhar Alerta 22/11/2021 - 07:57 hs
Foto: Reprodução

A polícia está investigando um crime de estupro coletivo contra uma estudante de 16 anos, que foi vítima de estupro de vulnerável após sair da escola no distrito de Nova Floresta, zona rural de Porto Alegre do Norte, na madrugada de quinta-feira (18).

De acordo com informações, narra o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar que a guarnição foi acionada pelo Hospital Municipal, pois uma vítima de abuso sexual havia dado entrada e era atendida pelos médicos. Ao chegar, os policiais conversaram com a jovem, a qual contou que após sair da escola foi para a casa de amigos onde todos passaram a ingerir bebidas alcoólicas.

A vítima teria ficado embriagada e dormido no local. Em dado momento, ela acordou e um dos "colegas" estava em cima dela, a estuprando. Ela dormiu novamente e pouco tempo depois despertou e percebeu que outro suspeito praticava o mesmo ato. A jovem levantou, perguntou o porquê estavam fazendo aquilo com ela e logo em seguida pediu para ir embora.

Os dois suspeitos foram identificados e responderão pelos crimes de estupro de vulnerável e servir bebida alcoólica à menor de 18 anos. Ambos são maiores de idade. O caso é classificado como estupro de vulnerável pois a vítima estava embriagada e dormindo, o que impossibilitou sua defesa, além do mais, é considerado estupro coletivo, visto que dois abusadores praticaram ato sexual com ela sem seu consentimento.

skynet