Seja bem-vindo
Santa Terezinha,24/07/2024

  • A +
  • A -

Lula se reúne com presidente da Bolívia em Santa Cruz de La Sierra

g1.globo.com
Lula se reúne com presidente da Bolívia em Santa Cruz de La Sierra
Publicidade



Reunião com Luis Arce ocorre 12 dias após tentativa de golpe no país. Lula faz primeira viagem à Bolívia no terceiro mandato como presidente. Lula se reúne com o presidente Luís Arce 12 dias após tentativa de golpe na Bolívia
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se reuniu nesta terça-feira (9) com o presidente da Bolívia, Luis Arce. O encontro ocorreu em Santa Cruz de La Sierra, na região central do país andino, 12 dias após uma tentativa fracassada de golpe de estado.
Lula chegou à cidade boliviana na noite de segunda (8), após participar da cúpula do Mercosul em Assunção, capital do Paraguai. Arce também esteve na reunião para formalizar a adesão do país ao bloco fundado por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai.
"Muito bem recebido pelo presidente da Bolívia para uma série de agendas comerciais e diplomáticas entre Brasil e Bolívia", afirmou Lula em uma rede social.
A agenda de Lula prevê, além da reunião com Arce, uma cerimônia de assinatura de atos, uma declaração à imprensa, um encontro com movimentos sociais e participação em um fórum empresarial.
Lula viajou à Bolívia disposto a discutir investimentos da Petrobras no país e formas de baratear a importação de gás natural para empresas brasileiras. A segurança na área de fronteira é outro tema de interesse do governo brasileiro.
Lula e o presidente da Bolívia, Luis Arce, durante encontro em Santa Cruz de La Sierra
Ricardo Stuckert/Presidência da República
Golpe fracassado
A viagem de Lula estava prevista antes de militares tentarem derrubar o governo de Luis Arce, no dia 26 de junho.
Após o episódio, Lula decidiu manter a viagem a fim de demonstrar apoio ao boliviano, um dos presidentes filiados a partidos de esquerda na América do Sul.
A tentativa de golpe foi liderada pelo ex-comandante do exército boliviano, general Juan José Zúñiga, que mobilizou tropas e tanques na capital, La Paz, e chegou a invadir o palácio presidencial.
Golpe fracassado na Bolívia: general deposto do Exército comandou a tentativa de golpe, mas recuou




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.