Seja bem-vindo
Santa Terezinha,24/07/2024

  • A +
  • A -

Americano desaparecido por 22 anos é encontrado mumificado em montanha do Peru

g1.globo.com
Americano desaparecido por 22 anos é encontrado mumificado em montanha do Peru
Publicidade



William Stampfl sumiu em 2002 ao ser atingido por uma avalanche. Derretimento de geleiras expôs corpo e ajudou autoridades a encontrarem alpinista. Corpo do alpinista William Stampfl foi encontrado após 22 anos, em montanha peruana
Polícia Nacional do Peru/AFP
O corpo de um alpinista americano que desapareceu há 22 anos enquanto escalava a montanha mais alta do Peru foi encontrado mumificado, informou a polícia nesta segunda-feira (8). O corpo dele estava vestido e em bom estado de conservação.
✅ Clique aqui para seguir o canal de notícias internacionais do g1 no WhatsApp
William Stampfl foi declarado como desaparecido em junho de 2002, quando uma avalanche de neve o sepultou no monte Huascarán. A montanha tem 6.757 metros e fica na região de Áncash, a cerca de 400 km de Lima.
Segundo o relatório da polícia, os socorristas "encontraram o corpo a uma altitude de 5.200 metros, próximo ao acampamento base um do Huascarán", uma área caracterizada por fendas e considerada perigosa.
A descoberta foi possível devido ao derretimento de geleiras, consequência das mudanças climáticas. Stampfl estava vestido com roupas de escalada, arnês e botas.
Os socorristas o identificaram graças ao passaporte dos Estados Unidos encontrado entre as roupas do alpinista. Stampfl tinha 59 anos quando desapareceu.
As condições de frio extremo do Huascarán, que podem chegar a -19°C durante a noite, teriam permitido a conservação do corpo desde 2002.
Em junho, o corpo de um escalador italiano que sofreu um acidente ao tentar uma escalada na montanha de Cashan, que tem 5.716 metros de altura, também foi encontrado.
LEIA TAMBÉM
Brasileiro que estava desaparecido no Peru morreu após cair em buraco, diz família
Garota 'Hawk Tuah': como americana virou celebridade após explicar técnica para 'deixar homens loucos na cama'
Paranaense morre na guerra da Ucrânia após quase dois anos lutando como voluntário: 'Era o ideal que ele tinha', diz mãe
O monte Huascarán visto do Valle del Santa, na região de Ancash, no Peru
Wikimedia/Suizaperuana
VÍDEOS: mais assistidos do g1




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.